sábado, 28 de fevereiro de 2009

It's personal, myself and I

video

Não vou viver como alguém que só espera um novo amor

Há outras coisas no caminho aonde eu vou

Às vezes ando só, trocando passos com a solidão

Momentos que são meus e que não abro mão

Já sei olhar o rio por onde a vida passa

Sem me precipitar e nem perder a hora

Escuto no silêncio que há em mim e basta

Outro tempo começou

...pra mim agora...

Vou deixar a rua me levar

Ver a cidade se acender

A lua vai banhar esse lugar

E eu vou lembrar você

É... mas tenho ainda muita coisa pra arrumar

Promessas que me fiz e que ainda não cumpri

Palavras me aguardam o tempo exato pra falar

Coisas minhas, talvez você nem queira ouvir

Já sei olhar o rio por onde a vida passa

Sem me precipitar e nem perder a hora

Escuto no silêncio que há em mim e basta

Outro tempo começou pra mim agora

Vou deixar a rua me levar

Ver a cidade se acender

A lua vai banhar esse lugar

E eu vou lembrar você...


...eu com prazo de validade secreto...


quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Nós Fazemos. E você?

Nunca postei algo tão rápido...
Acabei de ver esse vídeo no YouTube e ele merece.
Conceito, imagem, roteiro, texto, objetividade, clareza, tudo! Perfeito!



video

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

And the Oscar goes to...

...a vida só pode ser compreendida olhando-se para trás,
mas só pode ser vivida olhando-se para frente...

“O Curioso Caso de Benjamin Button”, que era o líder de indicações, com 13 no total, acabou levando três prêmios:
  • Melhor direção de arte
  • Melhor maquiagem
  • Melhor efeitos especiais

video


O Filme é baseado no conto de Scott Fitzgerald, e conta como seria viver de trás pra frente. Para mim, este filme vai além do roteiro, além de técnica perfeita, trata de assuntos com tanta amplitude que é impossível ser o mesmo, não refletir um segundo sequer a respeito, e completar-se acerca do que parece não ir ou não voltar...

Quantas vezes vc já se questionou, ou ouviu alguém dizendo que quando jovens somos imaturos o suficiente para viver a vida, e aos envelhecermos temos a maturidade e a falta de vigor para o mesmo?

Pois é... fica a dica!

Premiações

- Recebeu 13 indicações ao Oscar, nas categorias de Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Ator (Brad Pitt), Melhor Atriz Coadjuvante (Taraji P. Henson), Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Direção de Arte, Melhor Fotografia, Melhor Figurino, Melhor Maquiagem, Melhor Edição, Melhor Trilha Sonora, Melhor Som e Melhores Efeitos Especiais.

- Recebeu 5 indicações ao Globo de Ouro, nas categorias de Melhor Filme - Drama, Melhor Diretor, Melhor Ator - Drama (Brad Pitt), Melhor Trilha Sonora e Melhor Roteiro.

- Ganhou 3 prêmios no BAFTA, nas categorias de Melhor Maquiagem, Melhor Direção de Arte e Melhores Efeitos Especiais. Foi ainda indicado nas categorias de Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Ator (Brad Pitt), Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Fotografia, Melhor Figurino, Melhor Edição e Melhor Trilha Sonora.

Curiosidades

- O conto de F. Scott Fitzgerald, no qual O Curioso Caso de Benjamin Button foi baseado, foi inspirado na famosa frase de Mark Twain: "A vida seria infinitamente mais feliz se pudéssemos nascer aos 80 anos e gradualmente chegar aos 18".

- Na década de 90 Steven Spielberg esteve cotado para dirigir este filme, com Tom Cruise como protagonista.

- Em 1998 Ron Howard esteve cotado para dirigir o filme, com John Travolta sendo o protagonista. - Spike Jonze esteve cotado para dirigir o filme.

- Rachel Weisz foi sondada para interpretar Daisy, mas não pôde aceitar o papel devido a conflitos de agenda com outros filmes em que estava comprometida.

- Este é o 2º filme em que Brad Pitt e Cate Blanchett atuam juntos. O anterior foi Babel (2006). - Brad Pitt precisava de 5 horas diárias para concluir a maquiagem necessária para Benjamin Button.

- O diretor Danny Boyle decidiu adiar Solomon Grundy, um projeto pessoal, por considerar a história muito parecida com a de O Curioso Caso de Benjamin Button.

- Inicialmente as filmagens seriam em Baltimore. O diretor David Fincher e o roteirista Eric Roth aceitaram mudar para Nova Orleans a pedido dos produtores, devido aos incentivos fiscais oferecidos caso as filmagens fossem na cidade.

- Foi o 2º filme de grande orçamento a ser rodado em Nova Orleans após a passagem do furacão Katrina, em 2005. O anterior foi Déjà Vu (2006).

- O orçamento de O Curioso Caso de Benjamin Button foi de US$ 150 milhões.

Fonte: http://www.adorocinema.com/filmes/curioso-caso-de-benjamin-button/curioso-caso-de-benjamin-button.asp

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

E a vida?



Quem passou pela vida em branca nuvem
E em placido repouso adormeceu;
Quem nao sentiu o frio da desgraca,
Quem passou pela vida e nao sofreu;
Foi espectro de homem, nã
o foi homem,
So passou pela vida,
nao viveu.


Francisco Otaviano

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Desejo a Você

video


Desejo primeiro que você ame,
E que amando, também seja amado.
E que se não for, seja breve em esquecer.
E que esquecendo, não guarde mágoa.
Desejo, pois, que não seja assim,
Mas se for, saiba ser sem desesperar.

Desejo também que tenha amigos,
Que mesmo maus e inconseqüentes,
Sejam corajosos e fiéis,
E que pelo menos num deles
Você possa confiar sem duvidar.
E porque a vida é assim,
Desejo ainda que você tenha inimigos.
Nem muitos, nem poucos,
Mas na medida exata para que, algumas vezes,
Você se interpele a respeito de suas próprias certezas.
E que entre eles, haja pelo menos um que seja justo,
Para que você não se sinta demasiado seguro.

Desejo depois que você seja útil,
Mas não insubstituível.
E que nos maus momentos,
Quando não restar mais nada,
Essa utilidade seja suficiente para manter você de pé.

Desejo ainda que você seja tolerante,
Não com os que erram pouco, porque isso é fácil,
Mas com os que erram muito e irremediavelmente,
E que fazendo bom uso dessa tolerância,
Você sirva de exemplo aos outros.
Desejo que você, sendo jovem,

Não amadureça depressa demais,
E que sendo maduro, não insista em rejuvenescer
E que sendo velho, não se dedique ao desespero.
Porque cada idade tem o seu prazer e a sua dor e,
É preciso deixar que eles escorram por entre nós.

Desejo por sinal que você seja triste,
Não o ano todo, mas apenas um dia.
Mas que nesse dia descubra
Que o riso diário é bom,
O riso habitual é insosso e o riso constante é insano.

Desejo que você descubra ,
Com o máximo de urgência,
Acima e a respeito de tudo, que existem oprimidos,
Injustiçados e infelizes, e que estão à sua volta.

Desejo ainda que você afague um gato,
Alimente um cuco e ouça o joão-de-barro
Erguer triunfante o seu canto matinal
Porque, assim, você se sentirá bem por nada.
Desejo também que você plante uma semente,P

or mais minúscula que seja,
E acompanhe o seu crescimento,
Para que você saiba de quantas
Muitas vidas é feita uma árvore.

Desejo, outrossim, que você tenha dinheiro,
Porque é preciso ser prático.
E que pelo menos uma vez por ano
Coloque um pouco dele
Na sua frente e diga "Isso é meu",
Só para que fique bem claro quem é o dono de quem.

Desejo também que nenhum de seus afetos morra,
Por ele e por você,
Mas que se morrer, você possa chorar
Sem se lamentar e sofrer sem se culpar.

Desejo por fim que você sendo homem,
Tenha uma boa mulher,
E que sendo mulher,
Tenha um bom homem
E que se amem hoje, amanhã e nos dias seguintes,
E quando estiverem exaustos e sorridentes,
Ainda haja amor para recomeçar.
E se tudo isso acontecer,
Não tenho mais nada a te desejar ".


Victor Hugo